Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos
2500x600 a 1 2500 2500
NotíciasPrimeiroMinistroAntónioCostaTerminalCruzeiros

Primeiro-ministro em Matosinhos

António Costa visitou pela primeira vez o Terminal de Cruzeiros de Leixões

24.02.17

A visita do Primeiro-ministro, António Costa, ao Terminal de Cruzeiros está integrada no programa da 11ª reunião da Assembleia Parlamentar do Mediterrâneo (APM).

Trata-se de um fórum que reúne deputados dos 27 países da região que trabalham em conjunto para atingir objetivos comuns com vista a criar o melhor ambiente político, social e cultural e as melhores condições para os cidadãos do Estados Membros.

A APM é uma organização interestatal regional e tem o estatuto de observador na Assembleia Geral das Nações Unidas.

Pela primeira vez, esta instituição reúne-se em Portugal para a realização do seu 11º Plenário.

Ao longo de dois dias, cerca de 200 pessoas de 25 países debateram no Centro de Conferências da Alfândega do Porto “As migrações e a segurança no Mediterrâneo”, centrando as suas atenções em questões como os refugiados, o terrorismo ou as alterações climáticas.

A visita ao Terminal de Cruzeiros de Leixões contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, Eduardo Pinheiro, da presidente da Assembleia Municipal de Matosinhos, Palmira Macedo, do deputado e presidente da delegação portuguesa da Assembleia da República da APM, Renato Sampaio, do Secretário-Geral da APM, Sergio Piazzi, do deputado e presidente da APM, Pedro Roque, do anterior presidente da APM, Lhou Lmaborbouh, do Vereador da Educação da Autarquia, António Correia Pinto, do Vereador do Desporto e Ambiente, Tiago Maia, da administradora da Matosinhos Sport, Helena Vaz, do presidente da junta da união de freguesias de Matosinhos- Leça da Palmeira, Pedro Sousa, do presidente da junta da união de freguesias de Perafita, Lavra e Santa Cruz do Bispo, Rodolfo Mesquita, do Presidente da Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo, Brogueira Dias, entre outros convidados.

Esta foi a primeira vez que António Costa visitou o Terminal de Cruzeiros de Leixões estando prometido um regresso para breve.

Da autoria do arquiteto Luís Pedro Silva, o Terminal de Cruzeiros apresenta-se como um espaço de investigação e divulgação científica e de dinamização turística.

Inaugurado em 2015, o Terminal de Cruzeiros, no valor de 50 milhões de euros, foi cofinanciado em 51% pelo ON.2- O Novo Norte. O restante foi suportado pela Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL).

Além de um novo cais, a obra envolveu uma estação de passageiros com capacidade para acolher 2500 pessoas em trânsito, um porto de recreio náutico para 170 embarcações, dois parques de estacionamento para autocarros e viaturas, um cais fluviomarítimo e acessos diretos à cidade. Uma das grandes valências do novo edifício é o Parque de Ciência e Tecnologia do Mar da Universidade do Porto.

No ano passado, Leixões acolheu 84 cruzeiros e 71.799 passageiros. Para este ano está já confirmada a escala no Terminal de Cruzeiros de Leixões de 107 navios de cruzeiros com cerca de 105 mil passageiros a bordo.

Recentemente, o Terminal de Cruzeiros de Leixões conquistou o prémio internacional para Edifício do Ano, na categoria de Edifício Público pela ArchDaily, o site de arquitetura com maior número de visitas do mundo. Esta obra foi ainda considerada o “Melhor projeto público” de arquitetura nos prémios Construir em 2015 e 2016, venceu o prémio "AZAwards" (2016), o Prémio SIL 2015, na categoria de Comércio, Serviços e Logística, o Seatrade Awards 2015, entre muitas outras distinções.

Imagem00001 1 882 600
Imagem00002 1 882 600
Imagem00003 1 882 600
Imagem00004 1 882 600
Imagem00005 1 882 600
Imagem00006 1 882 600
Imagem00007 1 882 600
Imagem00008 1 882 600
Imagem00009 1 882 600
Imagem00010 1 882 600
Imagem00011 1 882 600
Imagem00012 1 882 600
Imagem00013 1 882 600
Imagem00014 1 882 600
Imagem00015 1 882 600
Imagem00016 1 882 600
Imagem00017 1 882 600
Imagem00001a 1 882 600

Artigos relacionados: