Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos

Mensagem do Vereador da Cultura

imagem

A ligação de Matosinhos ao mar tem muitos séculos, mantendo-se pelo menos desde que o Castro de Guifões se transformou numa importante plataforma de comércio marítimo com ligação às mais distantes partes do império romano. Nesta história de interdependências, da qual emergiu a identidade mais arreigada dos matosinhenses, mas também o desenvolvimento desta terra, houve naturalmente lugar para os piratas, conforme está sobejamente demonstrado pela investigação histórica mais recente.

O evento “Os Piratas”, que este ano volta a animar Leça da Palmeira, constitui, por isso, mais do que uma simples brincadeira que nos permite reviver os dias do século XVI em que os flibusteiros ainda circulavam por Matosinhos, enquanto, no mar, os seus navios travavam impiedosas batalhas que resultavam, muitas vezes, em naufrágios.

É, no seu modo descontraído, memória viva, história em ação, cultura em festa, permitindo, para além disso, e não menos importante, dinamizar a economia local, trazendo novos clientes ao comércio instalado nos arredores deste impressionante arraial dos piratas.

Fernando Rocha, vice-presidente e vereador da Cultura da Câmara Municipal de Matosinhos