Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos

Promoção da Economia Local

euros.jpg
 
A ação municipal deve ter cada vez mais como preocupação central a dinamização da economia local, atraindo novos investimentos privados e públicos potencialmente geradores de emprego qualificado para a sua área geográfica, promovendo o empreendedorismo das suas gentes, aumentando o capital humano de que a comunidade dispõe.
A abertura Loja do Emprego e a Política de Promoção do Empreendedorismo tornaram-se duas estruturas basilares dentro desta estratégia.
Matosinhos, pela sua localização e dotação infraestrutural, apresenta uma grande vantagem competitiva no território regional, um verdadeiro território de oportunidades, elemento preponderante da atração de investimento empresarial e fixação de novas empresas comerciais e de serviços, mas também para a renovação, internacionalização e modernização do seu tecido produtivo.
 
Fruto da preocupação central com o comércio tradicional, e com o seu futuro bem como do setor do turismo e restauração do concelho, formam lançados os projetos de desenvolvimento integrado de Brito Capelo, Heróis de França e envolventes.
 
Também a requalificação do Mercado Municipal de Matosinhos, iniciada em 2007, e a busca de novas funções para o Mercado de Angeiras capazes de potenciar ainda mais o seu uso, refletem bem o pensamento e atuação da autarquia nesta matéria.
 
O objetivo do projeto de reabilitação dos mercados municipais centra-se na sua modernização e competitividade comercial, tornando-os mais atrativos, afirmando os produtos do setor primário do concelho, reforçando uma imagem de qualidade, a diversificação de serviços e a adequação do seu funcionamento às atuais condições sociais e comerciais.
 

Atividades desenvolvidas no âmbito da Promoção da Economia Local:

- apoiar a elaboração dum diagnóstico do concelho, assumindo como áreas prioritárias a restauração e o turismo, as novas tecnologias, as dinâmicas sociais, o ambiente e a qualidade de vida;
- contribuir para a celeridade processual e administrativa;
- inventariar carências de infraestruturas e equipamentos;
- elaborar e analisar estudos económicos sobre a atividade empresarial;
- formular propostas e estratégias no âmbito do planeamento e ordenamento das atividades comerciais e industriais;
- apoiar a criação de estruturas comerciais para integrar entidades que possam fazer o planeamento, organização e gestão de parques industriais, de condomínios empresariais e os ninhos de empresas, em espaços devidamente infraestruturados;
- realizar eventos empresariais dinamizadores da atividade económica do concelho;
- cooperar com todas as associações e organizações de empresários;
- apoiar a elaboração de candidaturas comunitárias.