Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos

Escolas Municipais de Desporto

DesportoEscolasMunicipaisdeDesporto
Folheto_EMD.jpg
 
Tendo em conta o facto da formação desportiva ser a base da pirâmide do desenvolvimento desportivo, a Autarquia de Matosinhos através da MS - Matosinhos Sport, EEM lançou, em 2005, as Escolas Municipais de Desporto para dar resposta às necessidades e motivações desportivas das populações infantil e juvenil do Concelho de Matosinhos.
Conhecedores da importância indiscutível das aprendizagens motoras e desportivas de base nas idades apropriadas e tendo em conta o papel que as autarquias desempenham a este nível, considera-se que, para além do já existente Programa de Enriquecimento Curricular do 1º Ciclo do Ensino Básico, as Escolas Municipais de Desporto assumem um papel impulsionador ou complementar das ofertas desportivas que existem localmente. As Escolas Municipais de Desporto rompem com a "tradicional" formação desportiva, claramente vocacionada para a prática exclusiva de determinada modalidade, em que a igualdade de oportunidades de acesso por crianças e jovens do Concelho é muitas vezes condicionada por fatores de ordem financeira, estrutural e desportiva/competitiva.
 
Funcionam, assim, como um polo dinamizador das atividades que não estão a ser desenvolvidas por nenhum Clube e que apresentam baixa representatividade em determinadas freguesias. Pretende-se que sejam estruturas de enquadramento das atividades desportivas, fundamentalmente no início da aprendizagem das camadas mais jovens.
Este programa tem como principal objetivo proporcionar a crianças dos 6 aos 16* anos o contacto com várias modalidades desportivas e o desenvolvimento de hábitos sócio-desportivos, motricidade geral e capacidades motoras. Com as Escolas Municipais de Desporto será possível melhorar a aptidão desportiva elevando as capacidades físicas de modo harmonioso e adequado às necessidades de desenvolvimento da criança e, em simultâneo, promover a aprendizagem dos conhecimentos relativos aos processos de melhoria e manutenção das capacidades físicas.
 
Acima de tudo, as Escolas Municipais de Desporto visam promover o gosto pela prática regular da atividade física bem como a formação de hábitos, atitudes e conhecimentos relativos à interpretação e participação nas estruturas sociais no seio das quais se desenvolvem as atividades físicas.
 
Alguns objetivos específicos estiveram também na origem da implementação das Escolas Municipais de Desporto:

• Favorecer a aquisição das competências necessárias à prática de uma atividade desportiva (formação e orientação desportiva);
• Elevar o nível funcional das capacidades condicionais e coordenativas gerais básicas;
• Dar um seguimento lógico aos objetivos compreendidos no programa de enriquecimento curricular do 1º CEB – Atividade Física e Desportiva;
• Desenvolver, no seio da comunidade concelhia, diversas modalidades desportivas;
• Ter um papel ativo na deteção e encaminhamento de futuros atletas para as diversas associações, clubes, grupos, etc., do Concelho;
• Participar ativamente em todas as situações e procurar o êxito pessoal e do grupo;
• Cooperar com os companheiros para o alcance do objetivo do jogo, desempenhando com oportunidade e correção as ações solicitadas pelas situações de jogo e aplicando a ética do jogo e as suas regras.
• A Escola Municipal de Desporto, dentro das suas atividades regulares, deve prever a participação em atividades de convívio e mesmo competitivas, promovidas ou não pelas referidas modalidades ou no âmbito de outras organizações.
 
Justificação Técnica e Pedagógica
Os períodos críticos das qualidades físicas e das aprendizagens psico-motoras fundamentais situam-se até ao final do primeiro ciclo, ou seja, sensivelmente, até aos dez anos de idade. A falta de atividade apropriada traduz-se em carências muitas vezes irremediáveis. Se dermos o valor adequado ao desenvolvimento das capacidades coordenativas e condicionais que constituem a essência para a aprendizagem dos gestos técnicos de base, constataremos que a atividade física contribui inegavelmente para o desenvolvimento multilateral e integral do jovem. Constatada a falta de oferta desportiva do Concelho de Matosinhos em diversas modalidades surgiu a ideia de se criarem Escolas Municipais de Desporto para colmatar todas as lacunas existentes. 
 
Tarifário**
• Inscrição / Renovação / Reinscrição: 5€
• Mensalidade: 2 aulas / semana- 10€; 3 aulas / semana: 12.50€
• Alunos abrangidos pelo apoio da Ação Social Escolar A ou 1 (SASE A ou 1): 75% desconto*** (aplicável apenas no valor da mensalidade).
• Alunos abrangidos pelo apoio da Ação Social Escolar B ou 2 (SASE B ou 2): 50% desconto*** (aplicável apenas no valor da mensalidade).
• Pagamento anual - confere ao utente um desconto**** de 10% desde que efetue o pagamento anual da classe (num mínimo de 6 meses)

Notas:
O pagamento poderá ser efetuado em qualquer uma das 7 piscinas municipais, no Centro de Desportos e Congressos e na Zona Desportiva de Leça da Palmeira.
A abertura e/ou manutenção de classes está sujeita a um número mínimo de alunos.
As classes têm um número máximo de vagas estipulado em ficha técnica.
*Idades: dos 7 aos 16 anos nas Escolas Municipais de Ténis e Ténis de Mesa; dos 8 aos 12 anos na Escola Municipal de Râguebi; dos 6 aos 16 anos na Escola Municipal de Ginástica; dos 6 aos 14 anos na Escola Municipal de Atletismo.
**O tarifário e regras aqui referidas não dispensam a consulta do Regulamento aplicável às Escolas Municipais de Desporto. No entanto, este tarifário não é aplicável à Escola Municipal de Natação, que dispõe de tarifário e regulamento específico.
***Para beneficiar destes descontos é obrigatória a apresentação de documento comprovativo.
****Este desconto não é acumulável com o desconto relativo ao SASE.