Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos
HoradoPlanetaAmbienteNotícias

Matosinhos adere à Hora do Planeta

No dia 24 de março, as luzes do edifício dos Paços do Concelho serão desligadas entre as 20h30 e as 21h30

21.03.18

Sidney foi, em 2007, a primeira cidade do mundo a aderir à Hora do Planeta. 2,2 milhões de australianos e mais de duas mil empresas apagaram as luzes por uma hora numa tomada de posição contra as mudanças climáticas.

Promovida pela organização ambiental de conservação da natureza WWF, esta iniciativa registou desde então um crescimento notável, tornando-se o maior evento mundial de ação ambiental. Só no ano passado, 180 países e territórios de todos os continentes celebraram a Hora do Planeta. Em Portugal, 145 municípios aderiram e centenas de monumentos emblemáticos nacionais ficaram às escuras.

A pensar num futuro melhor para as próximas gerações, Matosinhos volta a associar-se à Hora do Planeta.

Assim, no próximo dia 24 de março, entre as 20h30 e as 21h30, o edifício dos Paços do Concelho ficará às escuras, assim como a Biblioteca Municipal Florbela Espanca e o Edifício dos Serviços Técnicos.

Ainda no âmbito desta iniciativa, o município de Matosinhos compromete-se em 2018 a adotar medidas que promovam a eficiência energética, nomeadamente a aplicação de isolamentos, envidraçados e materiais eficientes na remodelação dos edifícios municipais, a aquisição de veículos elétricos para a frota municipal e a aplicação de luminárias LED na iluminação pública, de forma a reduzir os consumos de energia elétrica.

Ao longo de 11 anos de existência, a WWF e as equipas da Hora do Planeta em todo o mundo têm aproveitado o poder deste movimento para apoiar as energias renováveis, a proteção da vida selvagem e seus habitats e a construção de modos de vida sustentáveis, apelando a uma nova legislação e políticas mais favoráveis ao nível do clima.

Para mais informações, consulte o site http://www.natureza-portugal.org/o_que_fazemos/hora_do_planeta/hora_do_planeta_201822/ 

imagem

Artigos relacionados: