Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos
NotíciasAutarquiaFinanças

Plano de Atividades e Orçamento

Presidente da Câmara apresenta as linhas orientadoras para 2018

13.12.17

Para 2018, a Câmara Municipal de Matosinhos apresenta um Plano de Atividades e Orçamento no valor de 109 milhões de euros.
O documento, que será amanhã submetido à apreciação do executivo, foi hoje apresentado aos jornalistas pela Presidente da Câmara Municipal.
De acordo com Luísa Salgueiro, “este é um orçamento de continuidade com o trabalho que vinha a ser feito, mas é também um orçamento sustentável, de ambição, de criatividade”.
Na conferência de imprensa marcaram também presença o Vice-presidente da Autarquia, Eduardo Pinheiro, e os vereadores Ângela Miranda, Fernando Rocha e José Pedro Rodrigues.
Ambiente, educação, conservação e manutenção de vias e espaços públicos são as principais áreas de investimento no próximo ano. “Queremos pôr a cidade em dia”, disse a edil.
Luísa Salgueiro anunciou a descida para 0,4% da taxa do IMI- Imposto Municipal sobre Imóveis, e a isenção do pagamento de derrama para as empresas com um volume de faturação anual até 150 mil euros, medida que irá beneficiar mais de duas mil pequenas e médias empresas do Concelho.
Entre outras medidas anunciadas, destaque para a criação de uma rede local de cuidadores, a criação de uma rede solidária de medicamentos, o reforço da saúde oral e visual de crianças e jovens, a reabilitação da EB da Agudela e da Escola Secundária da Boa Nova, a manutenção das vias, a concretização da primeira fase do Corredor Verde do Vale do Leça (troço entre a Ponte da Pedra e a Lionesa), a inclusão de natação e surf na disciplina de Educação Física, o reforço da cobertura do Concelho ao nível dos transportes públicos, o regresso do Festival “Matosinhos em Jazz”, a inauguração da Casa da Memória, a realização da Bienal do Design e o lançamento do Museu do Mar e da Indústria Conserveira, a conclusão da revisão do PDM- Plano Diretor Municipal.
Ainda relativamente ao orçamento para 2018, Luísa Salgueiro salientou um ligeiro aumento com as despesas correntes, em virtude do descongelamento da progressão das carreiras dos funcionários, e um aumento com as despesas de capital face às candidaturas a fundos comunitários com vista à realização de um conjunto de investimentos entretanto aprovadas.
Quanto à dívida total, esta situa-se nos 68 milhões de euros, estando a 51% do limite da capacidade de endividamento do Município.

  • Not plano de atividades e or amento 2018 1 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 1 1 139 90
  • Not plano de atividades e or amento 2018 2 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 2 1 139 90
  • Not plano de atividades e or amento 2018 3 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 3 1 139 90
  • Not plano de atividades e or amento 2018 4 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 4 1 139 90
  • Not plano de atividades e or amento 2018 5 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 5 1 139 90
  • Not plano de atividades e or amento 2018 6 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 6 1 139 90
  • Not plano de atividades e or amento 2018 7 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 7 1 139 90
  • Not plano de atividades e or amento 2018 8 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 8 1 139 90
  • Not plano de atividades e or amento 2018 9 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 9 1 139 90
  • Not plano de atividades e or amento 2018 10 1 882 600
    Not plano de atividades e or amento 2018 10 1 139 90

Artigos relacionados: