Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos

“Continuidade” inspirada no mar

Exposição de Luísa Gonçalves a visitar na Galeria Municipal.
 
02.07.12
Um “mergulho nas fundas águas” é a aventura que nos propõe Luísa Gonçalves com a sua exposição “Continuidade”, inaugurada no passado dia 30 de Junho, na Galeria Municipal de Matosinhos, na presença do Vereador da Cultura da Autarquia, Fernando Rocha.

Inspirada nas linhas onduladas contínuas dos corais, “esquecidos do oceano”, esta exposição representa, nas palavras do Presidente da Câmara Municipal, “uma viagem à essência das coisas”. “Ao percorrermos esta exposição não veremos paisagens e muito raramente figuras humanas. Teremos, pelo contrário, análises muito próximas da natureza, quase microscópicas”, afirma o Dr. Guilherme Pinto, que defende a valorização desta visão “nos dias em que vivemos”. “No turbilhão das crises, das incertezas e dos problemas com que nos enfrentamos é importante aprender com a visão e a perplexidade da artista e partir à análise e à descoberta da essência das causas primordiais”, conclui.

Luísa Gonçalves nasceu na cidade do Porto a 9 de Julho de 1949. Concluiu a Secção Preparatória às Belas Artes na Escola de Artes Decorativas Soares dos Reis do Porto em 1965. Formou-se em Escultura na Escola Superior de Belas Artes do Porto em 1971/72. Em 1978, obteve uma bolsa de investigação em Artes Plásticas da Fundação Calouste Gulbenkian. Foi professora na Escola Secundária Artística de Soares dos Reis durante 32 anos e colaborou com a Universidade Aberta em vários projetos.

Luísa Gonçalves integrou exposições individuais e coletivas em Portugal e no Brasil, conquistou inúmeros prémios pelos seus trabalhos de desenho, pintura e escultura, participou em várias publicações, criou cenografias para espetáculos de teatro e intervenções visuais para concertos, assim como videogramas.

Atualmente, Luísa Gonçalves é Diretora Executiva da Cooperativa Árvore e Coordenadora do Departamento de Cursos e Viagens Culturais.

O Vereador da Cultura recorda que não é a primeira vez que o caminho de Luísa Gonçalves se cruza com a política cultural da Câmara Municipal de Matosinhos. “A artista já foi, com efeito, nossa convidada no III Simpósio Internacional de Pintura de Matosinhos, realizado em 2010. Brindou-nos, nessa altura, com uma série de trabalhos inspirados na fauna e flora marítimas, em resposta ao repto que então lançamos aos artistas convidados do Simpósio que deveriam inspirar-se no Mar para as obras que produziriam durante esse certame artístico. Luísa Gonçalves de algum modo alicerçava então, com a nossa cumplicidade, uma nova linha nas suas pesquisas e produções pictóricas, nas quais se salientavam os corais. E é por isso, com grande satisfação que, dois anos depois, vemos que tal “investigação” se desenvolveu de um modo surpreendente, tendo atingido um estádio que esta exposição tão bem demonstra”, admite Fernando Rocha.

A exposição de Luísa Gonçalves na Galeria Municipal poderá ser visitada até ao dia 23 de Setembro, de segunda a sexta-feira, das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30, e aos fins-de-semana e feriados, das 15h00 às 18h00.
 
 
not__Continuidade__inspirada_no_mar.jpg

Artigos relacionados: