Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos
SurfDesportoNotícias

Novos campeões coroados em Matosinhos

Prova de surf Crédito Agrícola Open & Masters Cup decorreu na praia de Leça da Palmeira

08.10.18

O Crédito Agrícola Open & Masters Cup pôs à prova os melhores atletas do Norte em quatro categorias. João André sagrou-se campeão de Open e Alba Lloves subiu ao pódio na primeira posição. Já na competição dos atletas mais experientes, foi Cristiano Bins a merecer o título na categoria de Masters (+35) enquanto a boa prestação do surfista Bruno Rodrigues o levou ao lugar mais alto do pódio nos Kahuna (+45). Esta competição marca o arranque do “Porto & Matosinhos Wave Series” em outubro que conta, ainda, com mais duas provas.

Por falta de ondas, o Crédito Agricola Open & Masters Cup foi movido para a estrutura secundária do campeonato, em Leça da Palmeira. A competição esteve renhida renhida na categoria Open. As boas prestações de João André, Sebas Furtado, Zema Bruschy e Marcelo Martins ao longo do campeonato, levaram os atletas à final nesta sexta-feira. As duas melhoras ondas de João André (6.07 e 5.57) levaram a um resultado muito positivo e o atleta levou para casa o título de campeão. Sebas Furtado sagrou-se vice-campeão (10.96) com Zema e Marcelo a terminarem em terceiro e quarto lugar, respetivamente.

Alba Lloves destacou-se na final com ondas consistentes e somou 6.66 pontos. O segundo lugar foi ocupado por Beatriz Costa com 4.70 pts. Miriam Julião subiu ao pódio na terceira posição com 4 pontos.

Também nos atletas com mais de 35 anos, se percebeu que o surf continua no sangue. Cristiano Bins surfou cinco ondas da casa dos 3 e 4 pontos e acabou por se sagrar campeão de Masters. João Moreira ocupou a segunda posição com 6.60 pts e não muito atrás ficou o surfista Eduardo Vieira com um score de 6.47 pts. Nuno Nora terminou a bateria na última posição.

Os veteranos do surf deram espetáculo nas ondas de Leça da Palmeira. Bruno Rodrigues fez a melhor onda da bateria (6.17 pts) que lhe valeu o primeiro lugar com 11.34 pontos. Nuno Tavares e Francisco Belard terminaram a prova na segunda e quarta posição, respetivamente, deixando Tiago Macambira para o último lugar.

O Crédito Agrícola Open & Masters Cup é organizado pela Onda Pura, em colaboração com as Câmaras Municipais do Porto e de Matosinhos, tendo ainda o apoio institucional da Federação Portuguesa de Surf, da Associação Onda do Norte, do Turismo do Porto e Norte de Portugal e da Junta de Freguesia de Matosinhos e Leça da Palmeira. Conta também com os apoios do Crédito Agrícola, 58 Surf Shop, Vitalis, Ramirez, Hospital de Santa Maria Porto, Azurara Parque Aventura, Solinca, Pizza Hut, Edifício Transparente, MEO, Chef Tapioca, Combi Coffee, BOM - Best Of Mountain e Mixpão. O evento tem a colaboração mediática da Fuel TV, Surf Total e Beachcam.

Fotografias de Tó Mané

  • Not camp surf 1 1 882 600
    Not camp surf 1 1 139 90
  • Not camp surf 2 1 882 600
    Not camp surf 2 1 139 90
  • Not camp surf 3 1 882 600
    Not camp surf 3 1 139 90
  • Not camp surf 4 1 882 600
    Not camp surf 4 1 139 90
  • Not camp surf 5 1 882 600
    Not camp surf 5 1 139 90
  • Not camp surf 6 1 882 600
    Not camp surf 6 1 139 90
  • Not camp surf 7 1 882 600
    Not camp surf 7 1 139 90
  • Not camp surf 8 1 882 600
    Not camp surf 8 1 139 90
  • Not camp surf 9 1 882 600
    Not camp surf 9 1 139 90
  • Not camp surf 10 1 882 600
    Not camp surf 10 1 139 90
  • Not camp surf 11 1 882 600
    Not camp surf 11 1 139 90
  • Not camp surf 12 1 882 600
    Not camp surf 12 1 139 90

Artigos relacionados: