Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos
TeatroConstantinoNeryNotícias

Ensaio Sobre a Cegueira

Obra de José Saramago no palco do Teatro Municipal de Matosinhos

12.11.17

A peça “Ensaio Sobre a Cegueira” subiu ao palco do Teatro Municipal de Matosinhos -Constantino Nery na noite de ontem, sábado, 11 de novembro.

O texto de José Saramago, que foi publicado pela primeira vez em 1995, foi adaptado para o teatro em 2004, sendo agora interpretado em galego, com adaptação dramatúrgica e encenação de Ánxeles Cuña Bóveda, numa versão do Sarabela Teatro.

Parábola magistral do tempo que vivemos, “Ensaio Sobre a Cegueira” mergulha de cabeça nas contradições de uma realidade para a qual, podendo ver, nem sempre nos atrevemos a olhar: a nossa.

Esta adaptação do coletivo galego estreou em setembro de 2015 no Auditório Municipal de Ourense e conquistou, em 2016, o Premio Fetega para o melhor espetáculo. Este “Ensaio Sobre a Cegueira” coloca grande destaque na necessidade de resgatar a lucidez do afeto perdido e da necessidade que temos de amar e ser solidários.

O enredo de “Ensaio Sobre a Cegueira” é conhecido de todos: um homem parado num semáforo descobre-se infetado por uma cegueira branca que se espalhará de modo fulminante pelo país. Subitamente incapazes de ver, os cidadãos mergulham num vórtice de emoções, do amor ao ódio, do medo à indiferença, da crueldade à doçura, tudo testemunhado pelos olhos de uma única mulher, a única que assiste ao descalabro da fome, da infâmia, da sujidade e do abuso.

  • Imagem00001 1 882 600
    Imagem00001 1 139 90
  • Imagem00002 1 882 600
    Imagem00002 1 139 90
  • Imagem00003 1 882 600
    Imagem00003 1 139 90
  • Imagem00004 1 882 600
    Imagem00004 1 139 90
  • Imagem00005 1 882 600
    Imagem00005 1 139 90
  • Imagem00006 1 882 600
    Imagem00006 1 139 90
  • Imagem00007 1 882 600
    Imagem00007 1 139 90
  • Imagem00008 1 882 600
    Imagem00008 1 139 90
  • Imagem00009 1 882 600
    Imagem00009 1 139 90
  • Imagem00010 1 882 600
    Imagem00010 1 139 90
  • Imagem00011 1 882 600
    Imagem00011 1 139 90
  • Imagem00012 1 882 600
    Imagem00012 1 139 90
  • Imagem00013 1 882 600
    Imagem00013 1 139 90
  • Imagem00014 1 882 600
    Imagem00014 1 139 90
  • Imagem00015 1 882 600
    Imagem00015 1 139 90
  • Imagem00016 1 882 600
    Imagem00016 1 139 90
  • Imagem00017 1 882 600
    Imagem00017 1 139 90
  • Imagem00018 1 882 600
    Imagem00018 1 139 90
  • Imagem00019 1 882 600
    Imagem00019 1 139 90

Artigos relacionados: