Passar para o Conteúdo Principal
C.M Matosinhos
TeatroConstantinoNeryNotícias

João Lagarto

Traz obra-prima checa a Matosinhos

15.02.17

Um caso sério de humor. A peça “Lições de dança para pessoas de uma certa idade”, que o ator João Lagarto traz ao Teatro Municipal de Matosinhos-Constantino Nery nos dias 17 e 18 de fevereiro (21h30), é um longo relato de um velho sapateiro à mesa de um bar, evocando os episódios do seu tempo ao ritmo dos copos e do fluxo da memória. Sem nostalgias e a um ritmo trepidante (apenas ao alcance dos grandes intérpretes).

Baseada num romance do autor checo Bohumil Hrabal (“Taneční hodiny pro starší um pokročilé”, de 1964, foi publicado em língua inglesa sob o título “Dancing Lessons for the Advanced in Age”), a peça foi concebida e encenada por João Largato, que também cuidou da tradução e enfrenta sozinho o público e as memórias mais fesceninas do sapateiro Jyrka – um hábil e torrencial contador de histórias.

Jyrka é um homem que sabe viver e que, ajudado pelos espíritos do álcool, se dirige às damas presentes no bar, provocando-as e aconselhando-as de acordo com os exemplos recolhidos ao longo de uma vida dedicada a consertar os sapatos dos outros. O tom é efusivo e transporta o público para o ambiente dos bares de Praga na agitada década de 1960 – como se fôssemos mais um dos clientes do estabelecimento.

Embora, pouco conhecido em Portugal, Bohumil Hrabal é considerado o grande autor checo antes do sucesso internacional de Milan Kundera. Em Portugal publicaram-se os romances “Terno Bárbaro”, “Eu que servi o rei de Inglaterra”, “A terra onde o tempo parou”, “Uma solidão demasiado ruidosa” e “Comboios rigorosamente vigiados”. Escrito numa única e longa frase, “Taneční hodiny pro starší um pokročilé” só foi traduzido para a língua inglesa na década de 1990.

O romance, tal como a peça, parodia a história da antiga Checoslováquia, contrapondo a vida pública do país à vida privada (e lúbrica) do narrador – um poço de energia e de uma inteligência irónica e indisciplinada, que João Lagarto interpreta com grande mestria.

imagem

Artigos relacionados: